43 3055-4455
Rua Garças, 625 — Centro Arapongas/PR — CEP: 86700-285
Soluções com eficiência para sua empresa

Estoque alto e dinheiro curto: como inverter esse jogo?

O processo de compra de produtos é um dos maiores desafios para os lojistas

Uma das principais dores dos lojistas de calçados está relacionada ao acúmulo de estoques em suas lojas devido às dificuldades no planejamento de compras e às baixas vendas. A consequência deste cenário é um fluxo de caixa apertado, que prejudica o resultado financeiro do negócio.

A melhor forma de lidar com essa situação é focar nos processos-chaves da operação, que são compras, gestão de estoque e vendas. Então, se o estoque de sua loja está alto e o dinheiro está curto, talvez o que falaremos a seguir pode te ajudar!

O processo de compra de produtos é um dos maiores desafios para os lojistas. Para iniciar, sugerimos que você tente responder as quatro perguntas a seguir: Quem é o seu cliente? O que ele quer consumir? Quanto devo comprar por tipo de produto e principalmente, quando devo receber as mercadorias?

Você teve dificuldades para respondê-las? Saiba que o sucesso da gestão de compras depende do planejamento e da expertise adquirida com o tempo de mercado, mas uma forma de facilitar isso é utilizar soluções tecnológicas que forneçam o apoio necessário para sua gestão de compras. Afinal, é muito trabalho e informação para controlar na unha. Além disso, um processo de compras mal planejado, pode consumir todo o seu dinheiro!

O giro de estoques recomendado para lojas multimarcas é em torno de "4 X 1" e nas monomarcas é "3 X 1". Mas o que temos visto no mercado são estoques extremamente inchados: lojas trabalhando com giros acima de "10 X 1". Essa é uma realidade que abala a estrutura da loja porque um estoque parado gera custos como armazenamento e transferência entre lojas, enquanto as promoções geram queda do markup.

Há cinco ações que você pode fazer para acelerar o giro do estoque: repor os produtos que giraram rápido; melhorar a exposição dos produtos novos que não estão vendendo; transferir os produtos que vendem bem em uma loja e estão acumulando no estoque da outra; remarcar quando o produto não vende bem em nenhuma loja e liquidar o quanto antes para não sobrar para a estação do próximo ano.

Para trabalhar bem as cinco ações acima, a agilidade e o tempo certo são fundamentais e exigem o acompanhamento quase que diário do seu giro de estoque. Em minha experiência, vi lojistas que conseguiram melhorar o seu giro de estoque de "6 X 1" para "4 X 1" fazendo esse acompanhamento semanal. Realizando o planejamento de compra e controlando o giro estoque, você conseguirá colocar o produto certo na loja certa e no tempo certo, mas isso não é tudo.

É preciso vender mais e melhor! Como? Analise e responda às questões: Como está a motivação e qualificação do seu time de vendas? Como é a experiência de compra do seu consumidor? Como é a comunicação com o seu consumidor? Os processos e tecnologias são rápidos e eficientes? Você costuma ouvir o seu cliente para pegar um feedback do que pode melhorar na loja? São muitos aspectos e, para atender a todos, é importante envolver mais pessoas da sua equipe nesse desafio e acreditar no potencial do seu negócio.

Bom, agora vamos ao que interessa: onde está o dinheiro da sua loja? Estatisticamente, a falta de fluxo de caixa é um dos principais motivos de falência das empresas. Por isso, a gestão do fluxo de caixa é extremamente importante para o acompanhamento da saúde financeira de sua loja, além de te ajudar a tomar decisões como, por exemplo, comprar os produtos à vista e conseguir um bom desconto com a indústria ou comprar a prazo para não faltar dinheiro para pagar o aluguel.

O objetivo do fluxo de caixa é fazer uma análise de previsão futura verificando os valores disponíveis, mais os valores a receber, menos as contas a pagar no período. E não se esqueça de considerar as vendas à vista com base no histórico do ano anterior. Enfim, como fica o final da história? Chega de reclamar, é hora de colocar a mão na massa! Se você ainda está com o estoque alto e o dinheiro curto é provável que você precise melhorar um ou mais dos processos citados, bem como contar com sistemas especialistas que forneçam ferramentas de gestão que façam a diferença na administração do seu negócio.

Todos os direitos reservados | © 2017 | ALVANI ASSESSORIA CONTáBIL E EMPRESARIAL
desenvolvido por